Como reduzir o peso da gerencia de projetos utilizando o Tracker

Mesmo que você não esteja utilizando XP ou até mesmo Agile, você pode reduzir boa parte da carga de trabalho de gerenciamento de projetos! Um gerente de projetos normalmente tem que ficar atualizando uma seria de artefatos que são utilizados para acompanhar tanto o status do projeto como riscos, requisitos e entre outras coisas.

O XP determina uma role que ele chama de Tracker. Essa pessoa normalmente faz a atualização de gráficos, de riscos, do próprio backlog se você utiliza Scrum por exemplo. O XP determina que essa pessoa seria o Tracker de todo o projeto. Eu vejo uma aplicação mais nobre para esse papel, se você desenvolve de maneira iterativa com iterações de 1-4 semanas você pode fazer um roteamento de Tracker.

O Tracker não precisa ser a mesma pessoa sempre, o ideal é que esse papel seja um papel rotativo, assim todos ficam mais ciente do que está acontecendo no projeto e um bom peso é removido do gerente. Sem falar que com a rotatividade todos da equipe irão participar das atividades de cunho gerencial e logo será mais fácil inovar e melhorar o processo como um todo.

Se você usa Scrum pode passar parte das tarefas do Scrum Master para o Tracker por exemplo como atualizar o backlog, isso não elimina o fato de que todos tem de atualizar o quadro nas reuniões diárias.

Muitas vezes o gerente de projetos está muito ocupado ou gerencia mais de um projeto ao mesmo tempo, com essa utilização do Tracker rotativo as coisas ficam mais fáceis para o GP.

Popular posts from this blog

Telemetry and Microservices part2

Installing and Running ntop 2 on Amazon Linux OS

Fun with Apache Kafka